Alice, por Alice.

Vênus, de Cabanel

Vênus, de Cabanel

Pálida e de lábios ressecados, geralmente rachados. Olhos febris e mãos geladas, não possuo filtro entre o cérebro e a boca, nem entre o cérebro e os dedos; a loucura venusiana habita meu ser e o saudosismo lunar me embala em canções.

Vim das estrelas, Imperatriz do Caos, ‘parenta’ do Destino, que é Filho do Caos e da Terra e cego de nascença – alguns dizem louco-de-pedra – filha dos Astros, prima dos Elementais e amante dos Elementos.

Devota da Chuva, dos Ventos, da Loucura incessante do Fogo e do Cheiro de Terra Úmida. Amante da Fagulha de Criação Divina que habita cada sopro de respiração em cada mortal.

Sou Única, mas não limitada à rigidez das convenções: por isso sou metamorfose constante, para manter o Equilíbrio [o meu e o seu].

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: